SOBRE O ISCEM

 
O Instituto Superior de Comunicação Empresarial situa-se na Praça do Príncipe Real, nº 27, freguesia de São José, em Lisboa. O seu edifício, criteriosamente recuperado da traça original, enquadra-se do ponto de vista arquitetónico no centro histórico edificado na sequência do sismo que destruiu Lisboa em meados do século XVIII. A colina lisboeta onde se edifica, nos idos de oitocentos, atraiu não só as velhas famílias da aristocracia como da nova classe emergente.
 
A criação e funcionamento do ISCEM assenta na Portaria nº 1072/90, de 24 de Outubro, do Ministério da Educação, que aprova os seus planos de estudos no âmbito do Ensino Superior e onde se reconhece o valor dos diplomas conferidos, com efeitos em tudo correspondentes aos de titularidade do grau de licenciatura do ensino público. 
 
 
FORTE LIGAÇÃO À COMUNIDADE EMPRESARIAL
O seu projeto Educativo assenta numa forte ligação à comunidade empresarial, com um modelo de ensino que valoriza o saber e o saber-fazer, sendo este modelo de ensino a sua marca diferenciadora. 
 
Este modelo pedagógico inclui a realização de projetos temáticos semestrais de aplicação empírica de conhecimentos(Ateliers),  e de  Estágios, cujo objetivo é atenuar a distância que normalmente separa a formação teórica (por melhor e mais atualizada que esta seja), da sua aplicação prática. De acordo com os mais modernos métodos de ensino, estes estágios possibilitam aos estudantes uma formação geral e uma perspetiva conjuntural da empresa, onde podem pôr à prova, no contacto direto com a realidade, a justeza dos seus conhecimentos teóricos e das próprias aptidões intelectuais.
 
A INOVAR DESDE 1990

O ISCEM, criado em 1990, afirmou-se desde o início como um projeto inovador, tendo como objetivo prioritário alcançar o mais elevado nível de desenvolvimento das áreas das Ciências Sociais e do Comportamento, da Informação e Jornalismo, e das Ciências Empresariais. Neste contexto, desenvolve a sua atividade em três vetores complementares: os estudos superiores, a investigação e a ligação à sociedade e mundo empresarial.

 

APLICAÇÃO DE CONHECIMENTO

ISCEM considera fundamental a integração entre o conhecimento e a sua aplicação, incentivando a relação entre o ensino e a sociedade e, neste sentido, o ISCEM, por força da Lei, é caracterizado na sua natureza como uma instituição de ensino superior politécnico, que procura a especialização em Ciências Sociais e do Comportamento, Informação e Comunicação, bem como Ciências Empresariais, de um ponto de vista transversal. 

OS NOSSOS VALORES

 
Não é possível um ensino superior de qualidade sem um conjunto de princípios orientadores da ação em função dos valores humanos que permitem a convivência e a procura de um bem-comum. A verdade e a honestidade são essenciais para investigar, ensinar ou aprender. 
 
Rigor
É fundamental um espírito de exigência que permita seguir princípios e construir um trabalho de qualidade. Ser capaz de reconhecer as suas próprias limitações de modo a saber colmatá-las é a característica que permite o crescimento pessoal e institucional. Estar atento ao que se faz de modo a atingir objetivos estipulados é o que constrói a atitude exigente.
Inovação
A palavra “inovação”, à custa de um excesso de uso, quase que se tornou vã. Mas, enquadrada na ideia de melhoria, faz todo o sentido. A investigação, o ensino e a relação entre o conhecimento e a sociedade devem fazer-se numa dinâmica que procure a melhoria dos saberes e das práticas a que se referem.  
 
 
Ponte ciência-sociedade
Ligar a ciência à sociedade é fazer da investigação um trabalho de melhoria da vida social, quer do ponto de vista prático, quer teórico. Para isso, é preciso estar atento às instituições como às empresas e outras organizações de modo a beber nelas as suas preocupações e problemas. Formar profissionais com uma forte ligação ao contexto de trabalho, nomeadamente através de estágios, é uma outra forma de seguir este valor. Por outro lado, é importante estimular na sociedade a capacidade de absorver o que de melhor a ciência tem para dar.
 
Internacionalização
Num país com a dimensão e tradição de Portugal a internacionalização é uma ambição mas também uma necessidade. A interação com alunos, professores e instituições de outros países, sobretudo lusófonos, permite uma aprendizagem mútua essencial para uma visão global. O ISCEM procura seguir este princípio mantendo protocolos com instituições estrangeiras e estimulando o intercâmbio de alunos.

MISSÃO

 
ISCEM tem como missão e objetivos, assegurar o progresso consistente da sociedade do conhecimento, do saber e da sabedoria, dinamizando o desenvolvimento humano sustentado, através da produção e transmissão de conhecimento, da difusão da cultura, da valorização económica, social e cultural do conhecimento científico, da investigação orientada e da prestação de outros serviços à comunidade.
 
Pretende concentrar-se nas áreas de estudo das Ciências Sociais e do Comportamento, da Informação e Comunicação e das Ciências Empresariais, assegurando a assimilação e inovação dos saberes destas esferas de uma forma transversal. Também visa a formação e a integração no mercado de trabalho de profissionais competentes, bem como a colaboração com a comunidade na partilha do saber. 

VISÃO

 
De acordo com a missão a que se propõe, o ISCEM considera que a articulação e o aprofundamento das áreas das Ciências Sociais e do Comportamento, da Informação e Comunicação, e das Ciências Empresariais são fundamentais para um posicionamento informado, construtivo e inovador do indivíduo, numa sociedade contemporânea cada vez mais exigente e complexa, onde a comunicação se estende como vetor social e empresarial. Assim sendo, a transversalidade disciplinar, tal como a interação entre a investigação orientada, o ensino e a profissionalização afiguram-se fundamentais para responder às expetativas da comunidade e às necessidades do mercado de trabalho. Enquanto instituição de ensino superior politécnico, o ISCEM procura a valorização do saber de natureza profissional associado a uma investigação atenta aos desafios prementes da sociedade. Ambiciona ser uma referência nacional e internacional, sobretudo no mundo lusófono, garantindo um ensino de excelência que, simultaneamente, aloque investigadores e profissionais consagrados.

OBJECTIVOS ESTRATÉGICOS

ENSINO DE ALTO NÍVEL
Prestar um ensino de alto nível, numa perspetiva transversal, nos estudos das Ciências Sociais e do Comportamento, da Informação e Comunicação e das Ciências Empresariais, preparando os seus estudantes para uma inserção pronta e efetiva no mercado de trabalho
FORMAçÃO AMPLA
Oferecer aos seus alunos uma formação ampla e aprofundada que permita uma intervenção informada, eficaz e determinante nas suas áreas de atuação
 
 
EMPREGABILIDADE
Formar quadros técnicos superiores para as empresas e outras organizações, mediante a realização de ciclos de estudos que visem a atribuição de graus académicos, bem como de outros cursos pós -graduados, de cursos de formação pós -graduada e outros, nos termos da lei
 
INTERNACIONALIZAÇÃO
Adotar o princípio da internacionalização, concretizado na mobilidade de estudantes, docentes e investigadores, e na participação em redes universitárias de formação e de investigação e desenvolvimento
INVESTIGAÇÃO ORIENTADA
Promover o desenvolvimento de investigação orientada relevante, que contribua para o enriquecimento do conhecimento nestas áreas
 
 
INOVAÇÃO
Procurar contribuir para a competitividade da economia nacional através de uma cultura de empreendedorismo e de inovação

projeto educativo e científico

 
Esta vertente traduz a vocação académica e científica do Instituto. Compreende uma interdisciplinaridade que permite, por um lado, uma consciência das múltiplas variáveis da sociedade por parte do mundo empresarial e, por outro, uma resposta efetiva da academia aos desafios próprios das empresas. Tem dois pilares complementares: os estudos de alto nível e a investigação orientada.
 
Estudos de alto nível
ISCEM pretende desenvolver ciclos de estudos graduados e pós-graduados, bem como cursos de formação avançada, no âmbito dos estudos das Ciências Sociais e do Comportamento, da Informação e Comunicação, bem como das Ciências Empresariais.
Neste registo, já existem, e estão consolidadas, formações de primeiro e segundo ciclo nas temáticas da Comunicação Empresarial e Gestão de Marketing.
 
De futuro, o instituto tem como objetivo levar a cabo cursos que alarguem a todo o espetro das grandes áreas científicas referidas, nomeadamente em Diplomacia Económica, Negócios Internacionais, Gestão de Crises, Cidadania e Governação, Corporate Intelligence, Inovação e Empreendedorismo, Web Design ou Jornalismo Digital.
Investigação orientada
A investigação concretiza-se mediante o trabalho de investigadores, individualmente ou em equipa, em torno da matriz científica do Instituto. Realiza-se na própria instituição ou através das participações dos docentes em outras instituições reconhecidas. Como Instituto politécnico, o ISCEM pretende uma investigação orientada que corresponda a desafios práticos e que possa ser útil à sociedade em geral e às empresas em particular.
 
Procura igualmente a criação de um ambiente e de um quadro normativo que incentivem a participação dos seus docentes, investigadores e alunos em atividades de pesquisa, como em estudos de caso, inquéritos ou análises de boas práticas. Disto devem resultar a publicação de artigos em revistas de arbitragem científica nacional e internacional, o desenvolvimento de projetos de investigação orientada e a participação em reuniões científicas (bem como a sua organização), tal como workshops, conferências, seminários, colóquios ou mesas redondas.
 
A revista científica do Instituto – “Comunicação e Marketing” – publicada desde o ano 2000, é um veículo através do qual é possível a produção de uma linha de investigação própria. No âmbito do quadro normativo de investigação prevê-se que docentes e investigadores publiquem periodicamente nesta revista.

PREPARADO PARA CANDIDATAR-SE?

O FUTURO COMEÇA AGORA!

PREPARADO PARA CANDIDATAR-SE?

O FUTURO COMEÇA AGORA!